Colônia Z-27 inicia recadastramento de associados

Na última segunda-feira (21), a Colônia Z-27 de Santo Amaro iniciou o processo de recadastramento dos associados no Sistema Confederativo da Pesca. A expectativa é recadastrar cerca de 3.500 pescadores até o próximo dia 03 de dezembro. O trabalho está sendo realizado por uma equipe da Federação dos Pescadores e Aquicultores do Estado da Bahia (Fepesba), na sede da própria Colônia. A ação é nacional e atende a demanda de atualização de dados da Confederação Nacional dos Pescadores e Aquicultores (CNPA).

Em Santo Amaro, o recadastramento será realizado por distrito. Inicialmente, a ação está acontecendo na comunidade de Acupe. Em seguida, serão recadastrados os pescadores de São Braz e da Sede do município. A ação deve se estender até o próximo dia 03 de dezembro, sob coordenação da diretoria da Colônia. “Em razão da grande volume de pescadores, optamos por estender o prazo de recadastramento para duas semanas”, explicou a presidente da Colônia, Juliana Sena.

Todas as Colônias confederadas do Brasil terão de realizar o recadastramento de seus associados, ainda este ano. A intenção é atualizar e universalizar os dados do Sistema Confederativo da Pesca, para aprimorar a gestão e a funcionalidade das Entidades Representativas do Setor. Na Bahia, cerca de 70 Colônias realizarão o serviço, sob a coordenação da Fepesba.

z27_recad-02

z27_recad-03

%d blogueiros gostam disto: